Em SJC: Mr. Moo teve Fernando e Sorocaba, milhares de pessoas e descaso com imprensa

Evento recebeu um público grande que pagou a partir de R$450 por pessoa.


Fernando e Sorocaba durante show no Mr. Moo neste sábado (28). (Foto: Marcos Bulques)Fernando e Sorocaba durante show no Mr. Moo neste sábado (28). (Foto: Marcos Bulques)

O Mr. Moo Festival, que aconteceu na tarde deste sábado (28) em São José dos Campos, atraiu milhares de pessoas de várias cidades que curtem churrasco e música. O valor do convite individual, all inclusive, diga-se de passagem, foi a partir de R$450. Dançou quem deixou para a última hora. Teve gente que desistiu e estava vendendo na porta por R$550. 

O dia estava lindo. O público teve a oportunidade de aproveitar o espaço e as apetitosas estações de churrasco. Claro, mas  para quem chegou cedo. As pessoas que demoraram para chegar, enfrentaram filas imensas tanto para comer, beber e ir ao banheiro. Era muita gente. 

Para o presidente da Câmara de Caçapava, Rodrigo Meirelles (PSD), que esteve no festival, a organização foi péssima. Ele fez uma publicação nas redes sociais e mostrou em um vídeo o tumulto por lá. 

"Você precisa ver o inferno que está para pegar bebida [...] pagar R$500, uma fila gigante, todo mundo p***. Desorganizado o evento. Quem não veio, não perdeu nada. ", escreveu o político. 

Presidente da Câmara de Caçapava, Rodrigo Meirelles, critica organização do evento. (Foto: Reprodução/Instagram)Presidente da Câmara de Caçapava, Rodrigo Meirelles, critica organização do evento. (Foto: Reprodução/Instagram)

Descaso com imprensa

Para um evento do porte do Mr. Moo, o mínimo que teria que ter, era um local de trabalho para a imprensa. Além de não ter uma sala de imprensa ou mesmo um espaço reservado a imprensa, parte dos profissionais foram obrigados a ficar no meio do público, com restrições. 

O "assessor de imprensa", que na realidade nem jornalista é, escolheu quem teria acesso total ao evento e quem, talvez na visão dele, estaria ali apenas para curtir o festival. Ledo engano. É bom lembrar aos organizadores, que deixar de lado uma profissional séria, que trabalha na área há anos e delegar "poderes" a quem não entende absolutamente nada de comunicação, não é, nem de longe, uma boa estratégia. Aliás, é sempre bom frisar que ninguém está fazendo favor para os profissionais de imprensa, muito pelo contrário. Quando se tem bons profissionais atuando em uma assessoria de imprensa, jamais esse tipo de crise é gerada. Aprendam!

Para finalizar a coluna, mais uma coisa: influenciador digital é uma realidade. Há jornalistas com influência digital, mas não confunda qualquer um com profissionais de imprensa. E como diz a canção de Fernando e Sorocaba: "É tenso!". 

Público curte Mr. Moo Festival durante a tarde deste sábado (28). (Foto: Marcos Bulques)Público curte Mr. Moo Festival durante a tarde deste sábado (28). (Foto: Marcos Bulques)

anuncio