Polícia Civil deflagra operação 'Gado do Vale' e prende 12 pessoas na região

Mandados de busca e apreensão aconteceram em seis cidades; mais de 500 gados foram recuperados.


Operação da Polícia Civil recupera mais de 500 gados.Operação da Polícia Civil recupera mais de 500 gados. (Foto : Divulgação/Polícia Civil)

Uma operação da Polícia Civil resultou na prisão de 12 pessoas por roubo de gado e máquinas agrícolas no Vale do Paraíba. 

De acordo com a Polícia Civil, os criminosos, além de roubar os animais, mantinham abatedouros clandestinos e faziam a comercialização da carne, tudo sem os devidos cuidados sanitários, colocando em risco os consumidores. 

Foram sete dias da operação 'Gado do Vale', que encerrou nesta quarta-feira (23). A suspeita é que, além do Vale do Paraíba, os criminosos atuassem em Minas Gerais. Eles utilizavam a venda dos animais para lavagem de dinheiro. 

Mandados de busca e apreensão foram cumpridos em seis cidades, entre elas, Santa Branca, Jacareí, Pindamonhangaba, Caçapava, Igaratá e  Taubaté. Mais de 500 cabeças de gado foram apreendidas, além de armamento, tratores, caminhões e documentação que serviria para a falsificação de propriedade dos animais. 

Segundo a polícia, os criminosos eram violentos. Eles invadiam as propriedades rurais para roubar os gados e usavam da violência contra os proprietários. 

Aproximadamente 25 policiais atuaram na ação. Os criminosos tentaram fugir, mas sem sucesso. 

Em Igaratá, durante a ação, a polícia apreendeu em uma propriedade que estaria entre as buscas e apreensões, cerca de 60 caixas com alimentos da prefeitura de São Paulo. De acordo com a polícia, a suspeita é de que uma carga teria sido roubada. 

 

Polícia Civil encontra abatedouro clandestino usado pelos criminosos.Polícia Civil encontra abatedouro clandestino usado pelos criminosos. (Foto : Divulgação/Polícia Civil)

Cestas básicas foram apreendidas pela polícia. Cestas básicas foram apreendidas pela polícia. (Foto : Divulgação/Polícia Civil)

 

anuncio