Quatro romeiros morreram na Dutra durante feriado prolongado, diz Polícia Rodoviária Federal

Os dados indicam apenas atropelamentos de romeiros e andarilhos


Com o fim do feriado prolongado, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (ARTESP) publicaram, nessa quarta-feira (13), os dados das ocorrências de trânsito desse período.

Tráfego durante o feriado

De acordo com os dados divulgados pela ARTESP, entre sexta-feira (8) e segunda-feira (11), saíram da capital paulista utilizando as principais rodovias concedidas sob regulação da Agência, 1.136.660 (1,13 milhão) de veículos, sentido interior e litoral. Desses, 372.476 saíram na sexta, 351.468 no sábado, 188.905 no domingo e 223.811 deixaram a capital na segunda-feira.

Em contrapartida, 1.007.104 (1,007 milhão) veículos vieram do interior e do litoral para a capital utilizando as principais rodovias concedidas, entre sexta-feira (8) e segunda (11). Desse total, chegaram à capital 291.030 veículos na sexta, 240.094 no sábado, 205.293 no domingo e 270.687 nesta segunda. 

Vale destacar que, neste período, entre sexta (08) e segunda (11), 181.374 veículos transitaram pela Rodovia dos Tamoios, sendo 110.179 veículos no sentido Sul (São José dos Campos - Caraguatatuba) e 71.195 no sentido Norte (Caraguatatuba - São José dos Campos). 


Fiscalização e acidentes fatais

Segundo as informações da PRF, apesar do esforço das ações de policiamento e fiscalização, em todo o estado de São Paulo houve um aumento de 26% no número de acidentes (76 em 2020, 91 em 2021), tendo 108 feridos e 11 pessoas mortas, contra 94 feridos e 05 mortos referentes ao ano de 2020. Ainda conforme a PRF, num curto espaço de tempo, entre as 22h de sábado (9) e 09h da manhã de domingo (10), quatro acidentes graves tiraram a vida de quatro pessoas que participavam das romarias apenas na Rodovia Presidente Dutra, todos as fatalidades ocorreram no sentido Rio de Janeiro.

No primeiro deles, em São José dos Campos, um homem de 47 anos foi atropelado e morto por um senhor de 74 anos que se encontrava embriagado e com a CNH cassada, o mesmo invadiu a faixa de canalização onde o homem caminhava com outras duas pessoas, sendo estas feridas. O motorista foi preso em flagrante.

Imagem do resgate de ciclista atropelado no feriadoImagem do resgate de ciclista atropelado no feriado (Foto : PRF)
No segundo, em Caçapava, duas primas que faziam a peregrinação foram surpreendidas por um carro que as atropelou no acostamento, arremessando uma delas, de 42 anos, para fora da via, causando morte instantânea, restando a outra ferida (saiba mais AQUI).

No terceiro, também em Caçapava, um romeiro adormeceu embaixo de uma carreta que estava estacionada num posto de combustíveis às margens da rodovia, que deu a partida e saiu atropelando o peregrino (confira AQUI).

No quarto acidente, já por volta das 09h do dia 10, um veículo desgovernado colidiu com um ciclista no acostamento, arremessando-o para fora da pista. Ele atingiu outras três pessoas que estavam num canteiro depois do acostamento e mais dois veículos (entenda o caso AQUI).

Comparando o mesmo período em 2020 foram registrados na Dutra quatro acidentes, contra sete acidentes em 2021. No ano passado, duas pessoas morreram e neste ano quatro romeiros faleceram. Os feridos em 2020 foram somam um total de quatro vítimas, contra seis deste ano.

Estes dados não incluem o motociclista que faleceu em um engavetamento na terça-feira (12), uma vez que se referem apenas aos andarilhos e romeiros em peregrinação (saiba mais sobre o a colisão do motociclista AQUI). 

ARTESP

Em paralelo às ações da PRF, as equipes de fiscalização da ARTESP realizaram uma operação no transporte intermunicipal de passageiros na Rodovia Nova Dutra (BR-116), em Roseira, interior paulista. A operação teve como objetivo surpreender os veículos irregulares que transitam pela BR-116 a caminho da cidade de Aparecida.

A ação buscou interromper o transporte clandestino, irregular, superlotado ou com ausência de documentação e de itens necessários - condições que podem colocar em risco a segurança dos passageiros. Ao todo, foram vistoriados 12 veículos de transporte intermunicipal que passavam pela região, gerando 7 autuações e 1 remoção.

A remoção ocorreu porque o veículo estava cadastrado para realizar serviço de fretamento, porém, estava fazendo transporte tradicional com cobrança individual de passagens.

Reforce os cuidados

Apesar do aumento desta prática no período de outubro, a presença de romeiros em menor quantidade ocorre o ano inteiro. Por isso, é importante se ater a necessidade de que os peregrino adotem sempre medidas de diminuição de risco pessoal, confira algumas dicas clicando AQUI.

anuncio